Ukrainian International opera voos turísticos para lugar nenhum

 

“Atendendo aos inúmeros pedidos dos amados passageiros”, e apenas daqueles que sentem falta de voar em condições de quarentena, a Ukrainian International Airlines, está lançando um “voo panorâmico para lugar nenhum” (nome dado a um voo que pousa no mesmo aeroporto de onde decolou) a baixa altitude sobre Kiev e em direção ao local do desastre de Chernobyl. Na verdade, após anunciar a oferta em 12 de fevereiro, o único voo de 7 de março a bordo de um E195 se esgotou e levou a companhia aérea a oferecer um segundo voo para 13 de março.

O anúncio da companhia aérea deste panorâmico “voo para lugar nenhum” utilizará o recém-adquirido Embraer E195 da aérea. Voando a uma altitude de 900 metros, a aeronave voará ao longo do rio Dnipro, “em direção ao misterioso Chernobyl”.

Para quem não conhece a história de Chernobyl, é o local de uma das piores catástrofes de reatores nucleares da história da humanidade. O desastre ocorreu em 1986, e a área permaneceu subdesenvolvida devido aos altos níveis de radioatividade na área. No entanto, a “zona de exclusão” tornou-se um destino popular de “turismo negro” na Ucrânia nos últimos anos.

O passeio de 70 minutos, também sobrevoará a fábrica da Antonov em Gostomel, casa do An-225 Mriya.

A UIA acrescenta que os guias turísticos do voo serão verdadeiros pilotos da UIA, acompanhando os passageiros na cabine para contar histórias pessoais da aviação. Esses guias de turismo-piloto também serão capazes de responder a quaisquer perguntas relacionadas à aviação ao longo do caminho.

O ingresso de aproximadamente US$ 95 inclui um tour por um Boeing 777 da UIA, no pátio do aeroporto Kyiv Boryspil, a oportunidade de tirar fotos no cockpit e tirar selfies com o piloto, além de sorteio ​​de lembranças e presentes.

Foto: Divulgação

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn