United destaca iniciativas focadas em impulsionar valor

Companhia espera obter US$ 3,1 bilhões em valor incremental até 2018

A medida que a companhia aérea United Airlines investe para criar uma das melhores operadoras do mundo, a empresa promoveu no último 21 de junho uma conferência telefônica com os investidores a fim de fornecer uma atualização sobre as iniciativas que está implementando para melhorar o seu desempenho financeiro. Além disso, a United compartilhou os seus objetivos atuais de rede e comerciais. A empresa agora espera também que no segundo trimestre de 2016 a receita unitária consolidada de passageiros decline de 6,5% a 7,5% em comparação com o segundo trimestre de 2015, uma mudança de suas expectativas anteriores de queda de 6,5% a 8,5%. A empresa vai atualizar os investidores sobre as iniciativas atualmente em curso que vão conduzir mais de US$ 3 bilhões em valor incremental para a United até 2018 por meio de uma combinação de redução de custos e aumento das receitas. Estas iniciativas incluem melhorias na organização comercial que irá conduzir aproximadamente US$ 1,5 bilhões em valor por meio de uma maior segmentação de clientes, atualizações no programa MileagePlus e modificações no sistema de gestão de receitas; aeronaves com maior capacidade e instalação de novos assentos Slimline, combinados com uma contínua gestão de custos responsável, irá conduzir aproximadamente US$ 1,3 bilhões em benefícios; aproximadamente US$ 300 milhões em valor ao gerenciar uma companhia aérea mais confiável. Esta melhoria operacional vai crescer a quota de clientes premium da United, reduzir os custos associados aos atrasos e cancelamentos, diminuir o número de passageiros reacomodados em outras companhias aéreas e melhorar a utilidade de programação. Desde o início do ano, a United alcançou melhorias significativas no seu desempenho de pontualidade, terminando em primeiro ou segundo lugar entre os concorrentes da indústria durante todo o ano. A companhia também alcançou desempenho de alto nível no manuseio de bagagens em 19 dos últimos 24 meses. Foto: Paulo Berger

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn