Veja as novidades da aviação comercial na Argentina

Aerolíneas Argentinas foi certificada para reparar módulos do motor CF34 utilizados pelos jatos Embraer 190 da sua subsidiária Austral

A companhia aérea Aerolíneas Argentinas foi certificada para reparar módulos do motor CF34 utilizados pelos jatos Embraer 190 da sua subsidiária Austral. A empresa lançou uma nova unidade de negócios que está oferecendo serviços de MRO para terceiros. Os trabalhos serão prestados nos aeroportos de Ezeiza e Aeroparque, em Buenos Aires. Nos primeiros quatro meses deste ano, a empresa transportou um total de 4.449.800 passageiros, cerca de 2% a menos do que no mesmo período do ano anterior. O índice de pontualidade chegou a 88,1%. A operadora American Jet recebeu um jato Embraer 145LR até recentemente operado pela Lasa. Também deste operador deve vir o outro exemplar do tipo, mas para fornecer peças de reposição para a frota. A regional Flyest já está operando duas vezes por semana entre Buenos Aires e Reconquista, com escala em Santa Fé, rota que chegou a ser operada pela Avianca. A transportadora de baixo custo Flybondi acertou com o proprietário a troca de uma das suas aeronaves. O Boeing 737-83N matriculado LV-HKR foi devolvido e trasladado de Buenos Aires/El Palomar para a Cidade do Panamá e San Diego, onde será convertido em cargueiro para ser operado pela Southern Air. Em contrapartida, recebeu o Boeing 737-808 com matrícula LV-HKN trasladado via Recife. Foto: Paulo Berger

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn