VoePASS anuncia retorno de operações em Ribeirão Preto, São Paulo, Rio de Janeiro e região Amazônica

Retomada seguirá com protocolo sanitário especial para tripulação e passageiros

A companhia aérea VoePASS anunciou a retomada de suas operações a partir do dia 3 de julho após um período de cerca de três meses com voos suspensos por conta da pandemia do COVID-19. A empresa reiniciará as rotas que ligam Ribeirão Preto a São Paulo/Guarulhos, e também conectando Ribeirão Preto ao Rio de Janeiro/Santos Dumont, além de voos para dez destinos na região norte do Brasil. Os voos diários para a capital paulista serão operados em dois horários, com saídas de Ribeirão Preto às 07h05 e às 17h50, e com partida de São Paulo às 10h30 e às 21h30. Já a ligação entre Ribeirão Preto e Rio de Janeiro será realizada às sextas-feiras às 12h30 e aos domingos às 16h30, com volta também na sexta-feira às 14h40 e aos domingos às 18h30, respectivamente. Além dos trechos na região sudeste, serão retomadas atividades em dez localidades na região Norte pela MAP, ligando Manaus a Parintins, Itaituba, Belém, Altamira, São Gabriel da Cachoeira, Eirunepé, Carauari, Coari e Lábrea. Todos os trechos oferecidos pela VoePASS também estarão disponíveis e conectados através dos acordos comerciais dos parceiros Gol e LATAM. As passagens para todos os voos, inclusive da região Norte do Brasil, podem ser adquiridas através do site www.voepass.com.br e em todos os outros canais de distribuição. A retomada destas linhas representa o retorno de aproximadamente 10% das operações que a operadora tinha antes do início da pandemia. Outra novidade anunciada é o novo aplicativo gratuito que facilitará os procedimentos de embarque dos passageiros. Com ele, será possível fazer o check-in e utilizar o celular para apresentar o cartão de embarque eletrônico. A ferramenta estará disponível nos próximos dias para download nas plataformas IOS e Android e atenderá nessa versão, aos passageiros que adquiriram bilhetes no site e agências de viagem. Atendendo às recomendações da ANAC, ANVISA e das autoridades mundiais de saúde, as operações cumprirão medidas especiais de limpeza e sanitização das aeronaves, incluindo cabine dos pilotos, poltronas, banheiros, saídas de ar condicionado, botões de acionamento de luzes e de reclinar das poltronas, corrimão de escadas, maçanetas e outros, utilizando nessa desinfecção álcool em gel e desinfetantes de padrão hospitalar para a ação. O tempo de solo das aeronaves entre os voos programados foi estendido em todas as operações, para permitir que as equipes possam realizar os procedimentos de desinfecção antes do início de cada nova etapa de voo. Nas manutenções de pernoite, procedimentos de limpeza profunda serão realizados de forma complementar, para garantir de maneira efetiva que os voos serão realizados dentro dos melhores protocolos de biossegurança, garantindo aos passageiros e funcionários a realização das operações aéreas com total segurança. Além das medidas de limpeza e desinfecção, a tripulação e todos os colaboradores envolvidos usarão equipamentos de proteção individual. Os passageiros também serão obrigados a utilizar máscaras desde a chegada ao aeroporto até durante os voos. Foto: Gabriel Gimenez

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn