Airbus vai investir na Aerion

Fabricante deve fazer aporte de US$ 100 milhões no programa do primeiro jato executivo supersônico

A assinatura recente do acordo de cooperação entre a fabricante europeia Airbus e a firma norte-americana Aerion vai resultar no investimento do sócio europeu no programa de desenvolvimento do primeiro jato executivo supersônico do mundo. A Airbus deve fazer o aporte de cerca de US$ 100 milhões até 2021. Estudo recentemente divulgado mostra mercado para cerca de 600 dessas aeronaves nos próximos 20 anos. O avião AS2 vai cruzar entre Mach 1,15 e 1,2 sem que o impacto de seu estrondo seja sentido no solo.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn