ANAC certifica a produção do jato executivo Legacy 450

Aeronave da Embraer já pode ser operada em todo território nacional

A Agência Nacional de Aviação Civil entregou à fabricante brasileira Embraer o Certificado de Organização de Produção (COP) para a linha de produção do novo jato executivo de porte médio Legacy 450. Com a emissão do documento, a aeronave já pode ser comercializada e operada em todo o território brasileiro. O Legacy 450 é um jato executivo da categoria mid-light com capacidade de até oito passageiros em poltronas individuais que podem ser convertidas em quatro lugares, quando o voo é realizado com essa capacidade de ocupantes. O modelo também é o primeiro de sua categoria equipado com sistema de comandos de voo eletrônico full fly-by-wire e manche lateral de controle (sidestick). A certificação de produção é resultado de mais de cinco anos de trabalho conjunto da ANAC e da Embraer, que contabilizaram mais de 140 relatórios no acompanhamento da implantação de sistemas e processos produtivos e da fabricação dos protótipos e pré-séries da aeronave. Uma inovação foi a incorporação pela Embraer, do sistema de produção denominado “Paperless” na linha fabril do Legacy 450/500. Esse sistema permitiu a substituição de todas as ordens de produção, roteiros de produção e mais de 10.000 desenhos em papel, das novas aeronaves, por ordens, roteiros e desenhos digitalizados com acesso através de “tablets” e outros sistemas informatizados.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn