Bombardier vai reduzir ritmo de produção do jato executivo Global

Medida será implementa a partir de junho e deve afetar cerca de 1.750 funcionários

A fabricante canadense Bombardier anunciou que devido as condições econômicas atuais e questões geopolíticas em algumas regiões de mercado, como a América Latina, China e Rússia, têm impactado toda a indústria aeronáutica. Como resultado, a empresa decidiu reduzir a taxa de produção mensal para os modelos executivos Global 5000 e 6000. A decisão deve afetar cerca de 1.750 funcionários das unidades produtivas de Montreal, Toronto e Belfast. A redução dos níveis de produção deve começar em junho próximo e continuará progressivamente até o primeiro trimestre de 2016.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn