Dassault Aviation destaca o modelo executivo Falcon 8X durante a AAD 2018

Modelos de três motores da empresa são muito requisitados pelos operadores africanos, que valorizam muito sua flexibilidade, confiabilidade e economia operacional

A fabricante Dassault Aviation apresenta o jato executivo Falcon 8X de ultralongo alcance (6.450 nm/11.945 km) na edição deste ano da feira Expo Africa Aerospace & Defense (AAD). Os modelos de três motores da Dassault são muito requisitados pelos operadores africanos, que valorizam muito sua flexibilidade, confiabilidade e economia operacional. A demanda tem sido especialmente forte nos últimos anos para os aparelhos usados, em particular o Falcon 900. A frota regional também inclui um grande número de modelos em produção, liderados pelo Falcon 7X, trimotor de longo alcance de 5.950 nm/11.020 km, que pode conectar as capitais africanas diretamente a destinos na Europa, aeroportos restritos como London City ou Gstaad, e a linha Falcon 2000, cuja versatilidade e economia operacional são apreciadas na região. O 8X conquistou operadores de todo o mundo por sua cabine ultra silenciosa e seu conforto de voar e viajar. O grande jato oferece aos clientes maior alcance e volume de cabine em comparação com o Falcon 7X do qual foi derivado, permitindo voar da Cidade do Cabo para Londres ou de Lagos para Atlanta sem escalas e oferece o melhor manuseio, economia de voo e capacidade de operação em pistas curtas de qualquer modelo executivo de cabine grande. Também deverá gerar forte demanda na África o novo bimotor Falcon 6X, previsto para entrar no mercado em 2022. O 6X contará com uma cabine de 1,98 m de altura e 2,58 m de largura, o mais alto e mais largo em um jato executivo atualmente concebido. E oferece o sistema de controle de voo digital mais avançado do mercado. Sua faixa de 5.500 nm/10.186 km permitirá a conexão de Paris a Joanesburgo e Lagos a Nova York. Por outro lado, a otimização do suporte pós-venda é uma das principais prioridades da Dassault, conforme evidenciado por pesquisas recentes que colocaram a empresa no topo da indústria em termos de confiabilidade de aeronaves, disponibilidade de peças sobressalentes e suporte a aeronaves em solo (AOG). A afiliada da empresa, Dassault Falcon Service, abriu recentemente uma estação de serviços de satélite em Lome, no Togo, como parte de uma expansão constante da rede regional de suporte ao produto. A nova instalação complementa dois centros de serviços autorizados em Joanesburgo e Lagos. Os clientes africanos também podem utilizar o Falcon Response, o abrangente portfólio de serviços de AOG da fabricante. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn