Desconcertante: jato particular A321LR do Four Seasons, US$ 170.000 por pessoa

 

Enquanto todos estamos aguardando ansiosamente o fim das restrições de viagem, o Four Seasons está se preparando para implementar seu novo "jato particular" A321LR para pacotes de férias ao redor do mundo a partir do próximo mês. Mas com esses preços, vale a pena o investimento?

Em que você pode gastar quase US$ 200 mil? Um novo Bentley? Uma pequena casa na praia? Bem, se você está procurando uma maneira rápida e fácil de se desfazer de 200 mil, o Four Seasons lhe oferece apenas uma passagem para as férias de "experiência em jato particular" deste ano.

Na verdade, podem não ser realmente US$ 200 mil, mas não muito menos. Dependendo do itinerário escolhido, você pode pagar de $ 163.000 por pessoa até $ 170.000. Mas isso é baseado em ocupação dupla. Se preferir viajar sozinho, você pode adicionar pelo menos 10% a esse custo.

Então, o que você ganha com todo esse dinheiro? Bem, as viagens parecem muito legais. Por exemplo, um dos roteiros mais caros sai de Miami em abril e vai te levar de férias por 24 dias com tudo incluído. Durante esse tempo, você visitará locais incríveis como a Ilha de Páscoa, Bora Bora, a Grande Barreira de Corais e as Pirâmides do Egito.

Uma viagem um pouco mais barata durará 23 dias em novembro e incluirá Kyoto, Hoi An, Maldivas, Serengeti, Marrakech, Budapeste, São Petersburgo e Paris. Esse custará US $ 163.000 por pessoa (+ 10% para viajantes individuais).

Embora a experiência de volta ao mundo pareça muito legal e obviamente inclua todos os hotéis Four Seasons ao longo do caminho, ainda é uma grande quantidade de dinheiro para gastar. Uma passagem aérea típica de volta ao mundo custará cerca de US$ 3.000 – US$ 5.000, e mesmo com hotéis cinco estrelas incluídos, você terá dificuldade em chegar perto dessas tarifas viajando de forma independente. Portanto, deve ser o "jato quase particular" que está aumentando o custo.

O A321 está disposto em um arranjo 2+2 (quase sem corredor), mas temos que dizer que o estilo é muito bom. Os assentos revestidos de couro italiano branco (e que deitam 180º, evidentemente) dão à cabine uma aparência muito leve e arejada. No final do corredor tem um bar, com apenas uma mesa.

Four Seasons diz que queria criar um jato que "não tem igual". Embora eles certamente tenham dominado a natureza totalmente comercial deste A321, não há muito o que amar nele além dos assentos confortáveis.

Foto: Divulgação

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn