Dezenas de helicópteros armazenados em caixotes na China

 

Enquanto a China continua sendo o principal mercado de aeronaves de asas rotativas na Ásia-Pacífico – adicionando duas vezes mais helicópteros do que a próxima maior região – ainda restam dúvidas sobre o quão saudável é realmente o negócio naquele país, relatou o Asian Sky Group (ASG). O mercado de aeronaves de asas rotativas da China está “crescendo” com uma taxa de crescimento anual de 8 por cento.

“O problema é que o mercado da China não está tão saudável quanto parece, com mais de 80 helicópteros armazenados ou ainda em caixotes, pelo que a ASG pode determinar”, observou a empresa de análise, dizendo que parece que 68 estão armazenados e outro 14 ainda em engradados. Esses helicópteros foram entregues e os pedidos atendidos, colocando o risco financeiro ainda mais a jusante com proprietários e operadores. No entanto, os helicópteros contam como parte da frota da China continental, uma vez que são registrados.

“A situação com os Bell 505 exemplifica o problema hoje e no futuro: 110 foram encomendados, 32 foram entregues e 18 estão voando, mas 14 ainda estão nas caixas", disse ASG. "Isso é apenas uma consequência da pandemia? Ou os compradores se materializarão à medida que avançamos em 2021 e 2022 para que possamos abrir essas caixas?”

Foto: Bell

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn