Falcon 6X fará tour mundial

Com a expansão dos testes e a maioria dos principais marcos de desenvolvimento alcançados, o Falcon 6X está se preparando para embarcar em uma campanha global. O objetivo desta campanha de 40 paradas e 150 horas, programada para começar no próximo mês, é garantir a confiabilidade da aeronave e dos sistemas de bordo em condições operacionais reais antes das entregas iniciais aos clientes. O 6X já concluiu uma série de atividades importantes de teste de voo, incluindo testes de em baixas temperaturas, testes em aeroportos de grande altitude e expandiu o envelope de voo muito além da velocidade operacional máxima de Mach 0,90 da aeronave.

O número de testes de voo restantes inclui testes de gelo natural e testes de pista contaminada. “Nossa equipe de teste continua impressionada com o desempenho do Falcon 6X”, disse Eric Trappier, presidente e CEO da Dassault Aviation. “Esta campanha global de testes garantirá que todos os sistemas estejam totalmente amplamente testados antes da entrada em serviço. Estamos comprometidos em entregar uma aeronave perfeita desde o primeiro dia.” Três aeronaves de teste de voo Falcon 6X acumularam mais de 850 horas de voo até o momento e o processo de avaliação de voo da Agência de Segurança da Aviação da União Europeia (EASA) começou.

A aeronave número quatro – a primeira unidade de produção – esteve em exibição na EBACE equipada com um interior completo. Esta aeronave participará do tour mundial. A turnê de um mês incluirá vários trechos de longa e curta distância pela Europa e entre as Américas do Norte e do Sul, Ásia, Oriente Médio e África. Voos de 10 a 12 horas alternarão com voos curtos. A aeronave de campanha de testes levará uma tripulação completa de pilotos da Dassault, comissários de bordo, engenheiros e especialistas em interiores—. Essa equipe testará 250 pontos de avaliação diferentes. Enquanto isso, uma quinta aeronave está sendo finalizada nas instalações da Dassault Aviation em Little Rock, Arkansas, com uma sexta também prevista para breve. Capaz de voar 5.500 nm (10.186 km) sem escalas, o Falcon 6X deverá passar também pelo Brasil.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn