Pacific Aerospace traz ao Brasil modelo utilitário P-750 XSTOL

Turboélice é capaz de operar em pistas com apenas 220 metros no peso máximo de decolagem

A fabricante Pacific Aerospace e a empresa brasileira Aerie Aviação Executiva assinaram um contrato de representação para o monomotor P-750 XSTOL no mercado brasileiro. A Aerie será o representante exclusivo no país e o foco vai ser atender empresários, empreendedores e empresas que necessitam de uma aeronave multitarefas. A capacidade de conexão entre centros urbanas e áreas remotas de norte a sul do país é um dos diferenciais do modelo. Atualmente, a aviação comercial atende aproximadamente 100 cidades em todo país, mas ao todo são mais de 5 mil municípios. Para chegar a estes destinos, é preciso usar os mais de 3 mil aeródromos disponíveis, muitos deles sem asfalto, com pista curta, estreita ou irregular, restringindo o tipo de aeronave a ser usado. A expectativa é comercializar três aeronaves ainda este ano no Brasil. O P-750 XSTOL oferece dez diferentes opções de configuração e uso, podendo ser usada para o transporte de oito passageiros, frete ou carga, combate a incêndios, vigilância, busca e salvamento, paraquedismo, serviço aeromédico e outras aplicações. Para atender a estas características de operação, o fabricante neozelandês afirma que o modelo é capaz de operar em pistas com apenas 220 metros no peso máximo de decolagem. Mais informações no portal http://www.aerie.com.br/.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn