Boeing conclui o primeiro voo da nova versão do caça F-15

Desenvolvida para a Força Aérea do Qatar Emiri (QEAF), a variante demonstrou sua capacidade de próxima geração durante a operação de 90 minutos

A fabricante norte-americana Boeing anunciou a conclusão do primeiro voo do caça F-15QA, a versão mais avançada do jato já fabricada. Desenvolvida para a Força Aérea do Qatar Emiri (QEAF), a variante demonstrou sua capacidade de próxima geração durante a operação de 90 minutos. O voo decolou e aterrissou no Aeroporto Lambert em St. Louis. O Departamento de Defesa dos EUA concedeu à Boeing um contrato de US$ 6,2 bilhões em 2017 para fabricar 36 caças F-15 para a QEAF. A empresa começará a entregar aeronaves para o Qatar em 2021. O F-15QA oferece para seus operadores tecnologias de última geração, como controles de voo fly-by-wire, cockpit digital, sensores modernizados, radar e recursos de guerra eletrônica e computador de missão mais rápido. Aumentos na confiabilidade, sustentabilidade e manutenção permitem que os operadores permaneçam acessíveis à frente das ameaças atuais e em evolução. Através de investimentos na plataforma F-15QA e parceria com a Força Aérea dos EUA, a Boeing está se preparando para construir uma outra variante doméstica do caça avançado denominada F-15EX. Os planos futuros contemplam a construção de 144 aeronaves.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn