Conheça mais detalhes da Esquadrilha da Fumaça

Saiba quem são os responsáveis pelas manobras radicais

O próximo show da Esquadrilha da Fumaça será realizado no dia 29 de julho durante as comemorações do aniversário de 119 anos da cidade paulista de Porto Ferreira, vizinha a Pirassununga. O público que acompanha as demonstrações muitas vezes desconhece a estrutura de pessoal necessária para viabilizar o espetáculo aéreo. Cada apresentação é realizada por sete aeronaves A-29 Super Tucano. Para cada uma das posições na Esquadrilha – líder, ala direita, ala esquerda, ferrolho, ala direita externa, ala esquerda externa e isolado – há dois aviadores responsáveis que se revezam a cada demonstração. O atual líder do Esquadrão de Demonstração Aérea (EDA), Tenente-Coronel Marcelo Gobett Cardoso, explica que a seleção dos pilotos é bastante criteriosa e requer grande experiência em voo. “Para se candidatar a piloto do EDA, os profissionais precisam ter 1.500 horas de voo, sendo 800 delas como instrutor da Academia da Força Aérea (AFA) ou do Esquadrão Joker. Por meio de conselho operacional, são escolhidos os candidatos mais qualificados e que apresentam perfil mais compatível à missão da Esquadrilha da Fumaça”. Além dos 13 pilotos, há a equipe de solo conhecida como “Anjos da Guarda”, responsável por garantir a segurança e a disponibilidade das aeronaves, bem como a eficiência das tarefas administrativas. Mais informações no portal www.fab.mil.br.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn