Engenheiros brasileiros realizam primeiro ensaio em voo do Gripen NG

Programa inclui um grande e efetivo programa de transferência de tecnologia

Em outubro do ano passado, os engenheiros da fabricante brasileira Embraer estiveram em Linköping, base do departamento de ensaios em voo da Saab Aeronautics, para trabalhar em sistemas táticos do Gripen E. Com os estudos teóricos e a experiência do treinamento prático, os profissionais agora já progrediram para o teste de voo. A operação, que ocorreu em março passado com o primeiro caça Gripen E brasileiro, foi o chamado voo de verificação geral (shake down), destinado a testar o Head Up Display (HUD), o novo altímetro de radar e as funções de edição em todos os níveis. O programa inclui um grande e efetivo programa de transferência de tecnologia. Até 2025, mais de 350 engenheiros brasileiros e técnicos de empresas parceiras, vão participar de treinamentos teóricos e práticos na fabricante sueca. Os cerca de 200 profissionais já treinados voltaram ao Brasil e a maioria está trabalhando no Centro de Projetos e Desenvolvimento do Gripen (GDDN), localizado na planta da Embraer, em Gavião Peixoto.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn