Esquadrão Gavião realiza exercício de emprego de armamento

Treinamento é a fase final da formação dos pilotos de helicóptero

O Esquadrão Gavião encerra na localidade de Maxaranguape/RN, o Exercício Operacional Gavião de Fogo. A manobra, que faz parte do curso de especialização operacional das asas rotativas, é responsável pela formação dos novos pilotos de helicóptero da Força Aérea Brasileira. Divididos em dois grupos, os 21 estagiários do esquadrão aprendem as técnicas de emprego armado com o modelo H-50 Esquilo. No Centro de Treinamento de Maxaranguape, os futuros pilotos de helicópteros aprendem técnicas de emprego de armamento. São lançados foguetes e tiros terrestres com metralhadora calibre .50. Os armamentos são instalados nas hastes laterais da aeronave. O exercício é a última etapa do curso, que tem duração de nove meses, entre avaliações teóricas e práticas. Depois da fase básica, em que são aplicadas as teorias de pilotagem da aeronave, os alunos seguem para instruções específicas, como voo por instrumento, formatura tática, resgate no mar, simulador e emprego armado. Foto: CECOMSAER/Cb.Feitosa

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn