Esquadrão Poti treina novas técnicas no emprego de armamento do helicóptero AH-2 Sabre

Exercício é realizado no Campo de Provas Brigadeiro Veloso, no Sul do Pará

O Esquadrão Poti, que opera os helicópteros de ataque AH-2 Sabre da Força Aérea Brasileira, está realizando o Exercício Operacional Zarabatana VI. Durante as atividades, os 65 militares envolvidos trabalham para aprimorar as técnicas de emprego dos armamentos ar-solo da aeronave, como o míssil Ataka, foguetes e canhão. O exercício acontece no estande de tiros do Campo de Provas Brigadeiro Veloso (CPBV), no Sul do Pará. Pela primeira vez, a unidade aérea vai avaliar o comportamento e o poder de destruição de dois de seus armamentos ativos, o foguete com cabeça de guerra e o canhão com projétil explosivo. As aeronaves AH-2 Sabre fazem parte do processo de reaparelhamento da FAB. Os primeiros helicópteros foram recebidos em 2010 e a última unidade foi entregue em 2014. Exercícios operacionais como a Zarabatana formam as etapas da implementação do helicóptero na FAB. Foto: CECOMSAER-Sgto. Carlos Eduardo

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn