Esquadrilha da Fumaça retoma atividades operacionais

Público pode acompanhar desenvolvimento em programas realizados na unidade

As primeiras atividades operacionais da Esquadrilha da Fumaça em 2017 já estão acontecendo com as operações de readaptação dos pilotos, em que cada aviador faz uma média de sete voos. A readaptação é composta por exercícios básicos na aeronave, voos por instrumentos, seguidos de manobras feitas paulatinamente, culminando com o treinamento completo de demonstração com sete aviões. Essa etapa deve ser concluída na primeira quinzena de fevereiro. Ainda em janeiro, o piloto recém-admitido ao Esquadrão, Capitão Aviador Pedro Augusto Esteves, novo #5 (Ala Esquerda Externa), realizou seu primeiro voo com a Esquadrilha da Fumaça. Ele também participa de algumas fases da readaptação e, após realizará o curso de Piloto Operacional de Demonstração Aérea. A agenda de demonstrações deste ano ainda está em definição, mas o público pode saber mais sobre o trabalho da Esquadrilha no portal http://www2.fab.mil.br/eda/ e também por meio de programas que tiveram a unidade aérea como tema. Foto: CECOMSAER

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn