FAB combate ilícitos na fronteira com Bolívia e Paraguai

Ação faz parte da operação do Ministério da Defesa iniciada esta semana

Sem data para terminar, a Operação Ágata 9, do Ministério da Defesa, prossegue no combate de ilícitos transfronteiriços. Este ano estão no foco das Forças Armadas e de 46 instituições e órgãos públicos os 4.045 quilômetros ao longo da fronteira do Brasil com a Bolívia e Paraguai. A Força Aérea Brasileira participa dessa missão com aeronaves de caça, helicópteros, aviões de transporte e de reconhecimento. Na operação, a FAB vai desenvolver ações de defesa aérea, vigilância e controle do espaço aéreo, transporte aéreo logístico, além de envolvimento em ações cívico-sociais. O objetivo da ação é intensificar a presença do Estado brasileiro junto à faixa de fronteira para o combate e a redução de ilícitos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn