FAB forma mais de cem pilotos de combate

Unidade que coordena especialização nas aviações de caça, patrulha, transporte e asas rotativas completou 10 anos

A Força Aérea Brasileira forma nesta semana mais de cem pilotos de combate. Ao longo de oito meses, os militares foram especializados nas aviações de caça, transporte, patrulha e asas rotativas, e agora seguem para unidades aéreas em todo o Brasil para atender às necessidades operacionais. A próxima edição do curso está prevista para iniciar em janeiro de 2016. A formação é conduzida pela Primeira Força Aérea (I FAE), unidade sediada em Natal/RN que tem o objetivo de concentrar a especialização operacional dos pilotos da FAB. Esta fase representa o primeiro passo dos aviadores recém-saídos da Academia da Força Aérea, localizada em Pirassununga/SP. Ao longo de dez anos, a I FAE já especializou mais de 800 oficiais aviadores. A programação para celebrar a data incluiu uma campanha solidária que arrecadou 500 kg de alimentos, além de material de higiene pessoal e roupas. O material foi doado para duas instituições de caridade do município de Parnamirim/RN. Foto: Benito Latorre

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn