FAB treina técnicas de voo em área montanhosa na Amazônia

Objetivo foi adestrar e readaptar as tripulações ao voo e à operação em altitude

O Esquadrão Harpia realizou no período entre 20 a 25 de agosto, o Exercício Técnico (EXTEC) Harpia Altante, no município de São Gabriel da Cachoeira, distante cerca de 850 km de Manaus/AM. O objetivo foi adestrar e readaptar as tripulações do 7°/8° GAV ao voo e à operação em altitude, com vistas à participação no Exercício Angel de Los Andes 2018. A missão na Colômbia segue até o próximo dia 15 de setembro e sua base de operação situa-se na Cordilheira dos Andes, a aproximadamente 7.000 pés de altitude, o equivalente a 2.133,6 metros. A bordo do H-60 Black Hawk, as tripulações realizaram treinamento de técnicas de voo de montanha nos arredores do Pico da Neblina (2.995 metros), ponto mais alto do Brasil, situado na fronteira noroeste. Na ocasião, foram treinados os procedimentos de subidas e descidas de encostas, aproximações para cristas e cumes, além de voo em vales e ravinas. Visando à segurança de voo, foram massificados os procedimentos para detectar, evitar e se esquivar de turbulências, que costumam ser fortes em regiões de montanha. Mais informações no portal www.fab.mil.br. Foto: CECOMSAER/7º/8° GAV 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn