Helicópteros da Helibras voaram quase 700 horas durante a Copa

Empresa deu suporte à AvEx com consultas técnicas e auxílio na solução de panes

As atividades dos helicópteros da fabricante brasileira Helibras operados pela Aviação do Exército durante a Copa em todo o país chegaram a quase 700 horas de voo, tendo alcançado no período uma disponibilidade superior a 93%. O Exército realizou a operação com 36 aeronaves durante o evento, e manteve mais seis helicópteros reservas para o caso de indisponibilidade de alguma unidade na missão. A AvEx manteve aeronaves em 9 das 12 sedes da Copa e utilizou, em média, quatro unidades por cidade. Desde helicópteros leves, como os modelos AS550 Fennec, que na versão civil é o conhecido Esquilo, até médios como o AS365 Pantera, e pesados como o AS532 e o EC725. Os helicópteros participaram de atividades de varredura, segurança e vigilância antes, durante e após os jogos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn