Museu TAM abriga avião Corsair mais antigo em condições de voo

Modelo completa 12 anos no acervo

Março de 2001 é um marco para o Museu TAM. Foi justamente neste mês que a instituição passou a ter em seu acervo o F4U-1 Corsair, um dos mais famosos aviões de combate embarcado em porta-aviões. A aeronave norte-americana que está exposta é o exemplar mais antigo já fabricado e o único de sua versão ainda em condições de voo. Rápido e resistente, o Corsair foi também o último caça bombardeiro a pistão produzido no mundo. Possui asas em formato de gaivota invertida para manter as hélices a uma distância segura do solo e dobráveis para pouso em porta-aviões. No Museu TAM, o exemplar está disposto em um cenário que retrata o caça em uma Ilha no Oceano Pacífico, um de seus principais cenários durante a Segunda Guerra Mundial. Quem quiser conhecer a aeronave e mais detalhes sobre sua história pode visitar o acervo, localizado em São Carlos/SP, de quarta-feira a domingo, das 10h às 16h.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn