Operação Ícaro da Polícia Civil do MS em parceria com ANAC suspende 46 aeronaves

Objetivo é reduzir o número de acidentes na região e verificar as condições de voo dos aparelhos

A Agência Nacional de Aviação Civil em conjunto com a Delegacia Especializada de Combate ao Crime Organizado (DECO-MS) e com o Instituto de Criminalística do MS, realizou mais uma fase da Operação Ícaro, deflagrada no final de outubro de 2015, no Mato Grosso do Sul/MS. Na última semana, foram interditadas 46 aeronaves (a maioria de categoria agrícola) e suspensos dois mecânicos de manutenção (MMA). Além disso, uma oficina clandestina de manutenção foi fechada e foram apreendidas diversas peças aeronáuticas em cumprimento a mandado de busca e apreensão. As suspensões das aeronaves e mecânicos foram cautelares. As aeronaves só poderão ser liberadas após comprovação da procedência das peças utilizadas, bem como de manutenção realizada em oficina homologada. Os mecânicos que estavam trabalhando fora dos limites de suas habilitações ficarão suspensos até que o processo administrativo aberto contra eles seja encerrado e todas as medidas punitivas aplicadas. O objetivo da operação é reduzir o número de acidentes na região, verificar as condições de aeronavegabilidade e segurança de voo das aeronaves civis e recuperar produtos de furto com consequente identificação de autores e receptadores. Mais informações no portal www.anac.gov.br.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn