Parlamento grego aprova compra de caças Dassault Rafale

Após dois dias de debate, durante os quais se formou um consenso entre as partes, 276 dos 300 legisladores gregos votaram positivamente na lei que abre caminho para a compra de 18 caças Dassault Rafale por um total de 2,5 bilhões de euros.

O acordo está programado para ser assinado em Atenas, na Grécia, antes do final deste mês. O contrato inclui 12 caças Rafale usados ​​da Força Aérea Francesa e 6 novos, todos com o padrão F3R, além de uma série de armas, incluindo mísseis Exocet anti-navio e mísseis de cruzeiro SCALP.

A aquisição faz parte dos planos da Grécia de reforçar a sua capacidade de defesa, uma vez que enfrenta tensões crescentes com a Turquia em relação às suas respectivas águas territoriais na região do Mediterrâneo Oriental. “A compra dos caças franceses Rafale e das armas que eles incorporarão é para nossa defesa o que é a vacina para a pandemia”, disse Makarios Lazaridis, membro do partido Novo Democrata.

Os seis primeiros caças devem chegar à Grécia em julho próximo. O restante do pedido será entregue em dois pacotes de seis em 2022 e 2023. Os caças Rafale ficarão baseados em Tanagra, sede da 114ª Ala de Caças da Força Aérea Helênica. O Grupo usa aeronaves de fabricação francesa: após voar no caça Mirage F1CG de 1975 a 2003, ela está atualmente equipada com o Mirage 2000-5.

Foto: Dassault

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn