Projetos estratégicos da FAB serão destaque na Feira de Segurança e Defesa

LAAD deve atrair 37 mil profissionais do segmento no Rio de Janeiro

Os projetos estratégicos da Força Aérea Brasileira como o maior avião desenvolvido no Brasil (KC-390), o futuro caça (Gripen NG) e o Programa Estratégico de Sistemas Espaciais (PESE) serão destaque na LAAD 2017. Mas não é só isso. Na 11ª edição da maior feira de segurança e defesa da América Latina, que ocorre entre os dias 4 e 7 de abril no Rio Centro, no Rio de Janeiro, o público poderá conhecer também outros 22 projetos, serviços, produtos e tecnologias de organizações militares do Comando da Aeronáutica. Entre os projetos apresentados estão 16 desenvolvidos pelos institutos do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), localizado em São José dos Campos/SP. O Instituto de Estudos Avançados (IEAV), por exemplo, apresentará duas tecnologias inovadoras, como a propulsão hipersônica e o processamento de imagens em tempo real; um software que auxilia pilotos e atiradores de defesa antiaérea a planejar e avaliar o desempenho de missões aéreas e de armamentos; e sensores inerciais usados para fornecer dados de localização e guiamento em veículos espaciais. Já o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) traz para a LAAD seu nanossatélite, cujo primeiro lançamento está agendado para abril próximo. Financiado pela Agência Espacial Brasileira com o objetivo formação de capacidades, especialmente de recursos humanos pelo próprio ITA e instituições parceiras. O equipamento, com peso aproximado de 7 kg, tem capacidade de fazer o mesmo que um satélite de 200kg. Mais informações no portal www.fab.mil.br. Foto: CECOMSAER

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn