Sinalização para propriedades perto de aeroportos vira lei

Donos devem instalar sinalizadores para garantir a segurança dos voos, principalmente a navegação por helicópteros, que voam com condições visuais

A Secretaria de Aviação Civil anunciou que propriedades localizadas próximo aos aeroportos deverão contar com equipamentos de sinalização de obstáculos, conforme a alteração no Código Brasileiro de Aeronáutica (CBA) publicada no Diário Oficial da União. A instalação, operação e manutenção dos balizadores serão de responsabilidade do proprietário. A norma já entrou em vigor e quem descumpri-la, está sujeito à multa diária. Os equipamentos exigidos por lei servem para iluminar obstáculos que possam criar qualquer problema à navegação aérea e atrapalhar a visualização dos pilotos, como prédios, antenas, torres e para-raios. Pilotos explicam que a lei vai beneficiar principalmente a navegação por helicóptero, que voa com condições visuais. Os jatos costumam pousar em aeroportos como o de Congonhas, com auxílio de instrumentos. Nestes casos, os pilotos são orientados a manter as alturas e distâncias seguras desses obstáculos. Mais informações no portal www.aviacaocivil.gov.br.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn