SNC e Embraer participarão de avaliação para plataforma de ataque leve da USAF com o Super Tucano

Modelo é capaz de executar uma vasta gama de missões de caça e ISR

A fabricante brasileira Embraer em conjunto com sua parceira Sierra Nevada Corporation foi convidada a participar da avaliação de capacidade de plataformas de ataque leve da Força Aérea dos Estados Unidos (USAF). As empresas participarão do programa conhecido como OA-X, com o modelo A-29 Super Tucano, único avião de apoio aéreo tático (LAS) do mundo a obter um Certificado de Tipo Militar da USAF. A avaliação começa em julho deste ano, na Base Aérea de Holloman, no Novo México. Os testes fazem parte do esforço da USAF para explorar os benefícios de adquirir um novo avião de ataque leve de baixo custo e que não requer futuros desenvolvimentos para fornecer apoio aéreo tático e outras missões em ambientes permissivos e semi-permissivos, reduzir os custos de treinamento de pilotos de caça e acelerar a proficiência de pilotos. A iniciativa OA-X cumprirá esses objetivos, preservando e aumentando a vida útil de outras frotas a jato. Fabricado na Flórida e operado por outras 12 forças aéreas no mundo todo, o A-29 é um avião turboélice durável, versátil e potente, capaz de executar uma vasta gama de missões de caça e ISR. O aparelho é certificado pela USAF e tem atuação comprovada no Afeganistão e em outros teatros no mundo todo.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn