Fotos inéditas: a visita do Canadair CL-215 ao Brasil

Lançado no final da década de 60 e fabricado pela Canadair, o CL-215 é uma das aeronaves mais conhecidas para combate a incêndios. O primeiro voo do bimotor aconteceu em 1967 e, sua introdução em serviço, dois anos mais tarde, em 1969. Uma curiosidade que poucos sabem é que o modelo passou uma vez em demonstração pelo Brasil.

O ano era 1999 quando a Canadair trouxe o CL-215 de matrícula C-GOFP para demonstrá-lo no País, com objetivo de vendê-los ao governo federal e estaduais. O representante da empresa e do modelo no Brasil era ninguém mais ninguém menos que Ozires Silva, fundador da Embraer. Ozires comentou que a própria FAB ficou convencida com o valor da aeronave, mas que não tinha planos de aquisição. Por outro lado, o Ministério do Meio Ambiente expressou interesse em adquiri-lo.

O governo do estado de São Paulo também se interessou na época pela a aeronave e a fabricante batizou temporariamente o exemplar que veio ao Brasil como Princesa de São Paulo. Em terras paulistas, o CL-215 passou pelo Aeroporto Campo de Marte, onde ocorreu um evento à imprensa organizado pela LRC Táxi Aéreo. Posteriormente, voou para Paulínia/Cosmópolis, no interior do estado, onde realizou demonstrações de combate a incêndios em uma usina de cana de açúcar de propriedade de Luís Roberto Coutinho Nogueira, então presidente da LRC e chegou a efetuar uma missão real em Mairiporã, em um incêndio florestal. O C-GOFP também realizou demonstrações em Brasília.

Confira fotos inéditas feitas por Flávio Marcos de Souza, Editor-Chefe da Revista Flap:

Mesmo com o interesse do Governo de São Paulo e do Ministério do Meio Ambiente, nenhum negócio foi fechado com a Canadair no Brasil para o CL-215, tampouco para o CL-415.

-> ASSINE AQUI A FLAP INTERNATIONAL

 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vamos conversar?
Precisando de ajuda?
Olá, podemos ajudar?