65,4% dos passageiros optaram pelo transporte aéreo em viagens interestaduais em 2016

Acompanhamento considera os serviços regulares dos modais aéreo e rodoviário

Como parte da estratégia da Agência Nacional de Aviação Civil em aprimorar a divulgação dos dados do Mercado do Transporte Aéreo Brasileiro, a Agência disponibilizará de forma independente, a evolução do transporte interestadual regular de passageiros no modal aéreo frente ao modal rodoviário. Esses dados vinham sendo divulgados no relatório de Demanda e Oferta do Transporte Aéreo – Empresas Brasileiras, cujos demais dados serão mantidos. O relatório tem o propósito de ampliar o conhecimento da sociedade sobre o setor, em especial sobre o acesso da população ao transporte aéreo neste mercado e contempla os dados dos últimos dez anos. No ano de 2016, a fatia correspondente ao modal aéreo alcançou 65,4% frente a 34,6% do modal rodoviário, o que representou um avanço de 0,7% na comparação com 2015. O histórico aponta crescimento da participação do modal aéreo desde 2007, quando esse mercado representava 41,3% das viagens aéreas interestaduais, enquanto o rodoviário correspondia a 58,7%. Desde 2010, as viagens aéreas têm superado as viagens terrestres no cenário analisado e com crescimentos constantes em sua participação. As informações do modal aéreo são extraídas da Base de Dados Estatísticos do Transporte Aéreo e consideram os passageiros pagos transportados em voos domésticos regulares com origem e destino interestaduais, de modo a se aproximar o máximo possível da definição utilizada pela ANTT. Mais informações no portal www.anac.gov.br.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn