ABEAR considera medidas do governo para minimizar impacto do COVID-19 na aviação positivas

  • Indústria
  • Notícias
  • ABEAR considera medidas do governo para minimizar impacto do COVID-19 na aviação positivas

Associação destaca esforço e protagonismo do Ministério da Infraestrutura e parceria das demais autoridades envolvidas

As medidas anunciadas pelo governo para minimizar o impacto da pandemia do COVID-19 na aviação comercial brasileira são positivas, na avaliação da Associação Brasileira das Empresas Aéreas. De acordo com a ABEAR, o esforço, o entendimento, o alto nível de mobilização e parceria dos ministérios da Infraestrutura, da Economia, do Turismo, da Secretaria de Aviação Civil (SAC), da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) foram fundamentais para este primeiro passo. As medidas são positivas e estão na direção correta, neste momento em que o setor enfrenta a maior crise da história da aviação comercial. A ABEAR entende que foi anunciado o que é possível fazer neste cenário atual, onde as empresas aéreas precisam de alívio de caixa. Mais informações no portal www.abear.com.br. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn