Airbus anuncia medidas para reforçar liquidez e balanço em resposta ao COVID-19

Os cenários operacionais, incluindo ações para minimizar os requisitos de caixa, foram identificados e serão ativados dependendo do desenvolvimento da pandemia

A fabricante europeia Airbus adotou ações para reforçar sua liquidez e balanço em resposta à pandemia do COVID-19, à medida que continua avaliando a situação em andamento e o impacto em seus negócios, clientes, fornecedores e na indústria como um todo. Refletindo a política prudente de balanço e para garantir flexibilidade financeira, a administração da empresa recebeu aprovação do Conselho de Administração para garantir uma nova linha de crédito no valor de 15 bilhões de euros, além da linha de crédito rotativo existente de 3 bilhões de euros e retirar a proposta de dividendos de 2019 de 1,80 euro por ação, com um valor em dinheiro total de aproximadamente 1,4 bilhão de euros, além de suspender a recarga voluntária em fundos de pensão. Os cenários operacionais, incluindo medidas para minimizar os requisitos de caixa, foram identificados e serão ativados dependendo do desenvolvimento da pandemia. Ao manter a produção, gerenciar sua lista de pendências resiliente, apoiar seus clientes e garantir flexibilidade financeira para suas operações, a Airbus pretende garantir a continuidade dos negócios, mesmo em uma crise prolongada. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn