Airbus inaugura instalação de teste para sistemas de propulsão do futuro

Unidade teve um investimento de 50 milhões de euros com um objetivo de desenvolver a tecnologia alternativa necessária para ajudar a primeira geração de aeronaves comerciais de emissão zero a decolar até 2030

A fabricante europeia Airbus inaugurou oficialmente as instalações de testes da E-Aircraft Systems House na unidade perto de Munique, na Alemanha. O centro fornecerá um espaço para a pesquisa de tecnologias para sistemas de propulsão e fontes de energia alternativas tais como motores elétricos para veículos aéreos não tripulados, sistemas de propulsão híbridos e hidrogênio para combustão ou uso de combustível sintético. O edifício, que permite a integração e teste de sistemas completos, é o primeiro deste tipo no mundo. Com área de 3.000 m2, a unidade teve um investimento de 50 milhões de euros com um objetivo de desenvolver a tecnologia de propulsão alternativa necessária para ajudar a primeira geração de aeronaves comerciais de emissão zero a decolar até 2030. A Airbus já está ativando o programa E-Fan X para acelerar o progresso na tecnologia híbrida-elétrica e estabelecer os requisitos para certificação futura de aeronaves comerciais de emissão zero. No início de 2020, a Rolls-Royce entregará o motor elétrico que substituirá uma das quatro turbinas a gás instaladas na aeronave de teste, um BAe 146. O motor elétrico será equipado com 2 MW de potência. Os testes serão extensos, mas necessários para provar a viabilidade das capacidades do motor elétrico em preparação para o primeiro voo programado para 2021.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn