Airbus quer transformar Paris em um centro de hidrogênio

 

Airbus quer ser a primeira a desenvolver aeronaves comerciais movidas a hidrogênio. Hoje, ele lançou um convite à manifestação de interesse para transformar os aeroportos de Paris em ‘hubs de hidrogênio’.

O fabricante quer explorar o hidrogênio nos aeroportos de Paris, com o objetivo de descarbonizar o transporte aéreo.

Trabalhando com a região de Paris, Groupe ADP e Air France-KLM, a Airbus quer transformar os aeroportos de Paris em "centros de hidrogênio", em uma tentativa de fornecer um projeto para o resto do mundo construir sobre este combustível revolucionário. Sua convocação para manifestações de interesse visa atrair todas as partes necessárias para construir um ecossistema completo de hidrogênio, desde grandes corporações até universidades.

“A Airbus está determinada a conduzir uma visão ousada para o futuro da aviação sustentável e a liderar a transição para voos comerciais com emissão zero. O hidrogênio é uma das tecnologias mais promissoras que nos ajudarão a atingir esse objetivo, e os aeroportos têm um papel fundamental a desempenhar para permitir essa transição, a partir de hoje, e esperamos que esta iniciativa de inovação aberta promova o desenvolvimento de projetos e soluções criativas,” declarou Jean-Brice Dumont, vice-presidente executivo de engenharia da Airbus.

Foto: Divulgação

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn