Biometria facial da SITA facilita a viagem do passageiro

Companhias aéreas e os aeroportos estão removendo os pontos problemáticos em todas as etapas, com a segurança e as verificações de fronteira no topo da lista

No ano passado, quatro bilhões de passageiros percorreram 58 mil rotas. Em 20 anos, o número de passageiros deve dobrar. Mas enquanto as viagens são mais baratas e mais acessíveis do que nunca, os crescentes desafios de segurança significam que os passageiros devem provar sua identidade em pontos intermináveis ​​na jornada. É por isso que o setor de transporte aéreo tem planos claros para adotar a biometria e o gerenciamento de identidades. É o que dizem as pesquisas do Air Transport Insights 2018 da empresa de tecnologia SITA. À medida que a indústria se esforça para oferecer uma melhor jornada para os passageiros, as companhias aéreas e os aeroportos estão removendo os pontos problemáticos em todas as etapas, com a segurança e as verificações de fronteira no topo da lista. De acordo com a pesquisa, 77% dos aeroportos estão focados em soluções de gerenciamento de ID biométrico. Na vanguarda dos movimentos globais para agilizar a jornada com biometria e gerenciamento de ID está a solução Smart Path, que após uma única verificação biométrica, permite aos passageiros circular pelo aeroporto e embarcar na aeronave. O aplicativo da SITA também permite que os passageiros criem uma credencial biométrica segura em um telefone celular que pode ser usado em todos os pontos de contato da jornada. Na chegada ao aeroporto, usando um quiosque de check-in, os passageiros digitalizam seu passaporte e cartão de embarque, olham para a câmera e um único token de viagem é criado em menos de 25 segundos. Então, a cada passo da jornada no terminal, seja na entrega de bagagem, no controle de fronteira ou no embarque da aeronave, a varredura facial elimina a necessidade de mostrar um passaporte ou cartão de embarque. É importante ressaltar que o novo sistema está emergindo como padrão mundial, impulsionado pela inclusão da biometria facial nos e-passaportes transportados pela maioria das pessoas nos dias de hoje e seu uso em alguns smartphones como um meio de segurança. Mais informações no portal https://www.sita.aero/ .

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn