Blade planeja adicionar 20 eVTOL Beta à Frota de Mobilidade Aérea Urbana

A Blade Urban Air Mobility chegou hoje (134/04) a um acordo para adicionar até 20 aeronaves Alia 250 eVTOL de US$ 4 milhões da Beta Technologies à sua rede de transporte de passageiros, com entregas previstas para começar em 2024, seguidas de operações a partir de 2025. De acordo com Blade, as aeronaves serão adquiridas por meio de suas “relações de financiamento de terceiros” com seus parceiros operacionais, e a Jet Linx Aviation está definida para ser a primeira a começar a operar um lote inicial de cinco aeronaves.

Com carga total, o Alia será capaz de operar em rotas de até 465 km, transportando seis pessoas (incluindo um piloto) ou três paletes de carga padrão a velocidades de até 275 km/h. Beta diz que levará 50 minutos para recarregar a aeronave, que deve ser certificada de acordo com as regras da Parte 23 da FAA.

Blade diz que, inicialmente, o Alia irá operar a partir da infraestrutura de terminal privado existente da empresa no nordeste dos EUA, onde a Beta terá suas instalações de recarga especialmente construídas. A maioria dos serviços da empresa, que atualmente usa uma mistura de helicópteros e aeronaves anfíbias de asa fixa, está concentrada na área da cidade de Nova York, bem como no sul da Flórida, Nantucket e Hamptons. De acordo com Beta, o Alia será 10 vezes mais silencioso do que um helicóptero ao pairar, e ainda mais silencioso durante o voo de cruzeiro.

Foto: Beta Technologies

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn