Boeing 787 afetados por diretriz da FAA

 

Amanhã (19/02), a Administração Federal de Aviação dos EUA (FAA) publicará uma Diretriz de Aeronavegabilidade (AD) exigindo a inspeção de aproximadamente 222 jatos Boeing 787 Dreamliner. O prazo para as verificações iniciais dos painéis de descompressão dos jatos do porão é fixado em 45 dias a partir da publicação do DA.

A diretiva exige inspeção visual repetitiva dos anteparos localizadas nos compartimentos de carga dianteiro e traseiro para verificar se há painéis de descompressão soltos ou danificados. Isto deve ser seguido pela sua reinstalação subsequente no caso do primeiro e substituição no caso do último.

A FAA disse que o AD foi motivado por relatórios em que as inspeções da área do porão – realizadas como resultado de outra diretiva de aeronavegabilidade emitida em 2018 – revelaram vários incidentes de painéis de descompressão rasgados.

“No caso de um incêndio na carga, vazamento significativo na área do porão pode resultar em concentrações insuficientes de Halon para controlar adequadamente o incêndio”, afirma a diretriz de aeronavegabilidade.

Foto: Divulgação

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn