Boeing prevê a necessidade de 1,2 milhão de pilotos e técnicos nos próximos 20 anos

Estudo de mercado mais recente foi divulgado durante a EAA AirVenture Oshkosh

O fabricante norte-americana Boeing divulgou um novo estudo de mercado durante a EAA AirVenture Oshkosh que projeta uma demanda de mais de 1,2 milhão de pilotos e técnicos nos próximos 20 anos. De acordo com a empresa, entre 2017 e 2036, a indústria de aviação comercial mundial exigirá aproximadamente 637 mil novos pilotos de linhas aéreas comerciais; 648.000 novos técnicos comerciais de manutenção; além de 839 mil novos membros da tripulação de cabine. A nova perspectiva mostra um ligeiro aumento de 3,2% para os pilotos em relação ao estudo divulgado em 2016 e uma ligeira diminuição de 4,6% na necessidade de técnicos de manutenção da companhia aérea, impulsionada principalmente pela redução das horas de manutenção exigidas no modelo 737 MAX. A pesquisa pode ser visualizada no endereço http://www.boeing.com/commercial/market.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn