Boeing retoma a produção do 787 Dreamliner na Carolina do Sul

Volta inclui todas as operações que foram temporariamente suspensas em abril em resposta à pandemia do COVID-19

A fabricante norte-americana Boeing anunciou que está retomando a produção do modelo 787 Dreamliner na unidade da Carolina do Sul, com a maioria dos funcionários retornando entre 3 e 4 de maio. A volta inclui todas as operações que foram temporariamente suspensas no dia 8 abril em resposta à pandemia do COVID-19. A unidade fabril tomou precauções extras e instituiu procedimentos abrangentes para preparar o ambiente de trabalho e garantir a saúde e a segurança. Essas medidas incluem aprimorar a limpeza de todos os edifícios, incluindo lavagem sob pressão de banheiros e limpeza completa de áreas de descanso, lanchonetes, salas de conferências e outros espaços comunitários, instalação de pistas visuais para reforçar as práticas de distanciamento físico, particularmente em salas de conferência, cafés e outros espaços comunitários, incentivar todos os funcionários a usarem máscaras faciais e disponibilizar estações voluntárias de triagem de temperatura por meio de scanners térmicos sem toque. A Boeing continuará monitorando as orientações do COVID-19, avaliando o impacto nas operações da empresa e ajustando os planos à medida que a situação evolui.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn