COMAC C919 vai para o Canadá para testes em climas frios

A COMAC está um passo mais perto de certificar sua nova aeronave C919, algo que espera alcançar este ano. A International Test Pilots School (ITPS) no Aeroporto Internacional de Londres em Ontário, Canadá, começará a testar a aeronave nos próximos meses.

A aeronave chinesa concluiu os testes em clima frio na Mongólia Interior, China, em dezembro do ano passado. Os próximos voos de teste de formação de gelo natural são alguns dos voos de teste finais a serem realizados antes da certificação da aeronave.

Eles determinam que a aeronave proposta pode voar sob certas condições meteorológicas. Se os testes forem bem, o COMAC estará no caminho certo para a certificação e entrega este ano.

A COMAC foi criada em 2008 e o C919 está em construção há mais de uma década. Com 305 pedidos firmes, a fabricante espera obter a certificação nos próximos meses com o objetivo de entregar a primeira aeronave para a China Eastern Airlines ainda este ano.

O trem de pouso, APU e sistema elétrico vêm da Honeywell nos Estados Unidos. Outra empresa americana Rockwell Collins fornece o sistema meteorológico, e outra empresa americana Parker Aerospace forneceu o sistema de combustível. O sistema anti-gelo das asas, que deverá ser testado no Canadá, vem da empresa alemã Liebherr… o restante é chinês.

Foto: Divulgação

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn