DHL lança estudo sobre a implementação da tecnologia Digital Twins em operações logísticas

  • Indústria
  • Notícias
  • DHL lança estudo sobre a implementação da tecnologia Digital Twins em operações logísticas

Documento explica o conceito e a ascensão da ferramenta bem como a forma como ela agrega valor aos negócios

A provedora logístico global DHL lançou um estudo de tendências inédito sobre "Digital Twins na logística". O documento explica o conceito e a ascensão da tecnologia, bem como a forma como ela agrega valor aos negócios. A ferramenta, que envolve o uso de modelos digitais para compreender e gerenciar melhor os ativos físicos, já está bem consolidada em alguns setores e tem o potencial de mudar significativamente as operações logísticas. Um digital twins é uma representação virtual exclusiva de alguma coisa física, que monitora e simula o estado físico e o comportamento dessa coisa. A cópia digital permanece constantemente conectada ao objeto físico e se atualiza automaticamente para refletir as mudanças ocorridas no mundo real. Aplicados a produtos, máquinas e até mesmo a ecossistemas completos de negócios, o digital twins pode revelar insights do passado, otimizar o presente e até mesmo prever o desempenho futuro. Em logística, a ferramenta pode ser usada em diversas aplicações ao longo de toda a cadeia, como no gerenciamento de redes de contêineres, no monitoramento de embarques ou na elaboração de sistemas de logística. Sensores de IoT mostram sua localização e monitoram eventuais danos e/ou contaminações. Esses dados fluem para um digital twins da rede de contêineres, que usa o machine learning para garantir que os volumes estejam sendo movimentados da forma mais eficiente possível. O digital twins pode ser aplicado não apenas para ativos individuais, mas também para redes e ecossistemas inteiros, como locais de armazenamento, combinando um modelo 3D das instalações físicas com dados operacionais e de estoque. O sistema seria capaz de fornecer uma visão geral do estado das máquinas e da disponibilidade dos produtos, além de fazer previsões e tomar decisões autônomas com relação ao estoque ou às entregas. O mesmo princípio se aplica aos centros de grande porte ou às redes globais de logística. No estudo, a DHL examina os desafios da implementação, como as preocupações com a segurança cibernética, mas salienta que os cases de implementação dos digital twins estão se tornando mais atraentes. À medida que as tecnologias relacionadas se tornarem mais confiáveis e acessíveis, empresas de vários setores passarão a considerar a tecnologia como uma saída inestimável para o gerenciamento de sistemas complexos de ativos em tempo real e para o aumento da eficiência em seus processos. O relatório termina fazendo algumas considerações sobre os investimentos e as mudanças necessários para a implementação bem-sucedida no setor de logística. O estudo está disponível em logistics.dhl/digitaltwins

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn