Airbus

Até três tanques centrais adicionais são permitidos na versão, inclusive para operação ETOPS

A fabricante europeia Airbus anunciou que jato A321LR deu um passo significativo rumo ao início das operações regulares com a recente aprovação conjunta da EASA e FAA. Este marco é uma das várias opções de capacidade do A321neo que quando combinadas, permitem que a nova versão voe até 4.000 milhas náuticas com 206 passageiros e combustível extra armazenado em três tanques centrais adicionais (ACT), inclusive nas rotas ETOPS com até 180 minutos de tempo de desvio monomotor, o que é suficiente para realizar qualquer rota transatlântica. A certificação do A321LR inclui aprovação da grande mudança para instalar até três ACT opcionais com seus novos sistemas associados de gerenciamento de combustível e reforços estruturais da fuselagem inferior e a aprovação da opção “Airbus Cabin Flex” (ACF), que incorpora uma estrutura de fuselagem modificada com novos arranjos de portas, juntamente com uma capacidade máxima de peso de decolagem (MTOW) de até 97 toneladas métricas. Foto: Airbus/S.Ramadier