Preço do querosene de aviação tem alta de 71% em 2021

A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR) destaca a pressão sobre o setor com o aumento de custos que têm impacto direto na operação das companhias aéreas. O preço do querosene de aviação (QAV), que historicamente corresponde a um terço das despesas do setor, acumula em 2021, entre janeiro e outubro, uma alta de 71,1%. Somente no mês de outubro, o preço do QAV subiu quase 20%.

O aumento no acumulado no ano supera o dos dois combustíveis mais comercializados no país, a gasolina e o diesel, que apresentaram altas de 44,8% e 57,1%, respectivamente, entre janeiro e outubro. O impacto do aumento no combustível se soma aos seguidos recordes de cotação do dólar frente ao real, uma vez que cerca de 51% dos custos das companhias aéreas são indexados pela moeda norte-americana, incluindo itens como arredamento de aeronaves, seguros e manutenção

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn