TSA e American Airlines testam tecnologia de inspeção de última geração

Equipamento tem o objetivo de aprimorar os recursos de detecção de ameaças, fornecendo imagens 3D que podem ser visualizadas e rotacionadas para uma análise mais abrangente

A Transportation Security Administration (TSA) em colaboração com a companhia aérea American Airlines, está testando um novo scanner de tomografia computadorizada em uma fila de inspeção do terminal 4 do Aeroporto de Phoenix. O equipamento para inspeção tem o objetivo de aprimorar os recursos de detecção de ameaças, fornecendo imagens 3D que podem ser visualizadas e rotacionadas para uma análise mais abrangente. O sistema captura centenas de imagens com uma câmera de raio-X que gira em torno da esteira para apresentar aos agentes uma fotografia da bagagem de mão que garanta a inexistência de itens perigosos. O programa utiliza algoritmos sofisticados para detectar explosivos, armas de fogo e outros itens proibidos na bagagem de mão. A tecnologia de CT em 3D pode permitir que os passageiros carreguem líquidos, géis, aerossóis e notebooks em sua bagagem de mão em todas as circunstâncias. Como resultado, os processos serão mais rápidos e haverá menos objetos jogados no lixo. Se o teste for bem-sucedido, a TSA e a American poderão implementar a tecnologia em mais pontos de inspeção. Foto Paulo Berger

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn