Força Aérea da Colômbia estuda substituição do avião presidencial

  • Notícias
  • Força Aérea da Colômbia estuda substituição do avião presidencial

A força aérea colombiana está iniciando estudos para substituir o Fokker 28 que serve a presidência daquele país. Os inúmeros incidentes ocorridos nos últimos cinco anos, como até uma despressurização durante um vôo presidencial para Bogotá, vem motivando a troca de equipamento. Segundo fontes do governo colombiano, cerca de 32 milhões de dólares serão destinados para a compra de um novo avião. O Global Express da Bombardier, o Legacy da Embraer e o Gulfstream G400 e G500 seriam os candidatos iniciais, mas o Embraer 170, o A319 ACJ e até o Boeing 757 estariam no páreo. A decisão oficial deverá sair até o final deste ano.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn