Air France

O Grupo Air France/KLM apresentou fortes altas em seu desempenho mundial durante o mês de abril último. Foram transportados 6,28 milhões de passageiros (aumento de 7,3% em relação ao mesmo mês de 2005). A ocupação ganhou 3,9 pontos percentuais, atingindo a média de 83,1%, a maior da história em um mês de abril. A receita proveniente do tráfego de passageiros por quilômetro teve uma alta de 10% e a oferta subiu 4,8%. O forte desenvolvimento do Grupo nas Américas foi representado pela maior média de ocupação por regiões: aumento de 5,6 pontos percentuais em relação a abril de 2005, atingindo a marca de 89,6%. Foi registrado também um aumento de 9,9% na receita proveniente do tráfego de passageiros por quilômetro e de 3,16% na oferta de assentos.
As rotas asiáticas também apresentaram desempenho alto em abril, com aumento de 2,9 pontos percentuais na ocupação, que ficou em 87,7%. A receita proveniente do tráfego de passageiros por quilômetro aumentou 14,9% e a oferta 11,1%, ambas comparadas ao ano anterior. Na rede da África e Oriente Médio, a atividade permaneceu forte, com a receita do tráfego aumentando em 13,8% e a oferta em 9,7%. A ocupação elevou-se em 2,8 pontos em relação a abril de 2005, fechando em 78,2%.
Nas regiões do Caribe e do Oceano Índico, o desempenho melhorou, especialmente se comparado ao mês anterior: a receita do tráfego aumentou 1% e a oferta baixou 1,8%. A ocupação subiu 2,3 pontos, chegando a 83,6%. Nas rotas da Europa, outro aumento forte: 8,1% na receita proveniente do tráfego de passageiros por quilômetro, 2,6% na oferta e 3,8 pontos percentuais na ocupação, cuja média foi de 73,4%.
No Brasil, o bom desempenho se repetiu em abril de 2006. O vôo diário e direto Rio-Paris-Rio teve 91,3% de ocupação e os 10 vôos semanais e diretos São Paulo-Paris-São Paulo tiveram 86,9% de ocupação. A média brasileira da Air France ficou em 89,2%. O vôo São Paulo-Amsterdã-São Paulo, operado diariamente pela KLM, apresentou ocupação média de 82,6%. 02/06/06