Motores AE da Rolls-Royce atingem 25 milhões de horas de operação

  • Notícias
  • Motores AE da Rolls-Royce atingem 25 milhões de horas de operação

A Rolls-Royce superou com sua família de motores AE, os 25 milhões de horas de serviço em aeronaves corporativas e regionais. O AE 3007 impulsiona a família de aviões regionais ERJ 145, o jato executivo Legacy 600 e o Citation X. Já o AE 2100 opera o turboélice de alta velocidade Saab 2000. Atualmente, existem no mercado mais de 1.200 aviões regionais e executivos operados pelo AE 3007 e mais de 50 aeronaves com motores AE 2100. Projetado e produzido pela Rolls-Royce em Indianápolis (Indiana, EUA), o turbofan AE 3007 incorpora tecnologia avançada para atender a uma variedade de rigorosos requisitos operacionais para uso das companhias aéreas e pela aviação corporativa. Até o momento, já foram produzidos quase 2.800 motores AE para todas aplicações. Devido ao fato de que 70% dos componentes serem comuns, os motores AE de mesmo núcleo possibilitam aos seus operadores disponibilidade de partes e apoio a nível mundial. O AE 2100 é um derivado turboélice da família de motores AE, que inclui variantes turboshaft e turbofan, tendo entrado em serviço em 1994. 25/05/07

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn