United e Continental finalizam termos para fusão

As companhias aéreas americanas United e Continental Airlines anunciaram que vão se unir para formar a maior empresa do setor, em um acordo de cerca de US$ 3 bilhões. Os acionistas da United devem ficar com aproximadamente 55% da nova companhia, contra 45% para os acionistas da Continental. O acordo para a fusão determina ainda que a nova companhia manterá o nome United e será baseada em Chicago, nos Estados Unidos. Pelas projeções, o novo conglomerado terá uma receita total de cerca de US$ 29 bilhões e deverá ter uma participação de 22% no mercado americano. 03/05/10

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn