Varig e TAM assinam contrato para possível fusão

As companhias aéreas assinaram um contrato para confirmar os termos da possível fusão, entretanto, o documento não efetiva e nem conclui a união da empresas, mas estabelece compromissos e termos da associação que se for concluída, consistirá na reunião de todas as atividades de transporte aéreo de ambas, com exceção das operações de carga. A Varig e a TAM fixaram o prazo de 120 dias para concluir o processo e caso seja necessário, o prazo será prorrogado por mais 90 dias. O contrato assinado foi firmado em caráter irrevogável, mas poderá ser suspenso se as partes não cumprirem algum item. A nova companhia deverá ter 5% de participação da Varig e 35% da TAM e será responsável por cerca de 60% do mercado doméstico de passageiros. O processo agora deverá ser apreciado pelo Cade. Foto: Flávio Marcos de Souza

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn