Varig redefine sua estratégia de negócios

A Varig anunciou alterações no seu plano estratégico. A medida, que prevê a otimização da malha, tem por objetivo o aumento da eficiência e o aprimoramento da qualidade dos serviços. No segmento doméstico, uma nova malha aérea foi concebida visando oferecer horários e freqüências adequadas aos passageiros, especialmente aos que viajam a negócios. A nova malha ligará os principais centros de negócio e turismo e fará uso da sinergia proporcionada pelo retorno das conexões em Congonhas. A empresa acaba de iniciar os trechos Porto Alegre-Brasília, Belo Horizonte (Confins)-Rio de Janeiro (Galeão) e Belo Horizonte (Confins)-Brasília, que serão operados com aeronaves Boeing 737NG. Ainda em 2008, será feita a substituição de toda frota de Boeing 737-300 por modelos 737-700 e 737-800. A partir de março próximo, a Varig vai concentrar seu serviço de longo curso do Brasil para Europa em dois destinos, oferecendo conexões para outras cidades por meio de parcerias. A companhia vai operar vôos diretos com aeronaves Boeing 767-300ER para Paris, onde tem um acordo de interline com o grupo AirFrance/KLM e para Madri, onde possui acordo de code share com a Air Europa e de interline com a Iberia. A nova estratégia de negócios prevê a suspensão dos vôos diretos para Londres, Frankfurt e Roma, ao longo do mês de março. Através das parcerias mencionadas, os clientes da Varig poderão viajar do Brasil para os principais destinos na Europa, Ásia, África e Oriente Médio. A empresa manterá suas operações diárias para a Argentina, Chile, Colômbia, Venezuela e México e planeja iniciar ainda este ano vôos para os Estados Unidos. As rotas para o México e Chile já estão sendo operadas com aeronaves Boeing 767 e em breve o mesmo acontecerá com as rotas para a Colômbia e Venezuela, visando oferecer um serviço de maior conforto e classe executiva. Foto: Gianfranco Beting 30/01/08

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn